terça-feira, 5 de julho de 2011

A Essência da Ação Individual

                                                         
          O Weber é um intelectual alemão, ele se mostra diferente que os outros sociológos, ou seja, não há como definir a qual posição ele se enquadra, pois rompe com muitas ideologias. Para ele o mais importante é a realidade, a vida e o valor que cada pessoa possui, pois a concepção e o conceito que cada um tem é divergente.
          O autor diz que a maioria das pesquisas inicia-se pela teoria subjetiva, contudo o principal é, ao final do processo chegue a conclusão objetiva. Pois vivemos no meio das influências, seja crença, cultura ou qualquer outro meio que amadureceram a nossa mente, tudo isso interfere nos mecanismos e os metodos que utilizaremos para nossa investigação, por serem abstrato e complexo para se analisar.
          Precisamos tomar cuidado com a nossa ação pois está diretamente ligada com o valor que acreditamos, porque somos nós quem determina e analisa as coisas, além do mais é algo individual. Mas também devem saber reconhecer a verdade o que é científico e utópico e aprender não julgar pelo nosso ponto de vista, tentar compreender as ações dos outros.
          As pessoas podem tem liberdade de fazer a sua propria escolha conforme a sua consciencia, porém é necessário ter um pensamento neutro, ou seja, esta aberta para receber informação de todos os lugares, porque se cofiamos somente numa fonte de informação ficaremos obcercado e iludido que nos conduzem ao erro.
                             
                                                

A individualidade das Ações Sociais .






Weber vai se diferenciar dos marxistas e dos positivistas , pela analise social .
Justamente porque preconiza a analise social afastada das grandes interpretações generalizantes . Ele não esta interessado nas grandes leis sociais , que supostamente levam os indivíduos e os grupos sociais a se moerem Socialmente .
Ele esta interessada na vida de homens e mulheres na vida real e concreta . Sem qualquer ideia ou força estabelecida .
As ações sociais pro Weber não tem um sentido dado de antemão , não é sociedade nem economia , são os atores sócias no cotidiano da vida que vão agir de acordo de valor que permeiam sua vida . Podem ser os valores econômicos , históricos e de costumes . Quem vai descobrir isso não é o sociólogo que tem uma intepretação , o papel do cientista social para Weber é dar o sentido a ação social e descobrir o valor .
Contudo , os valores que vão dar a compreensão para o Sociólogo. Para ele é compreender , uma Sociologia compreensiva .Pra ele são distintas do homem , a ciência e a politica .O homem de ciência e o homem de politico não devem se misturar.
A diferença é que ele não busca estabelecer uma verdade absoluta a partir da ideologia . O que estimula o Weber é que a ciência possa ser objetiva no sentido universal .
Para ele para a ciência social ter pra ter o mínimo de objetividade tem que se separar ciência e politica .
E é assim que vai ser digna de credito , conseguindo construir o mínimo de objetividade , e pra ele é assim que constrói essa objetividade, relacionando ação social com os valores .




Beatriz Araujo - SS - Diurno .