quarta-feira, 11 de abril de 2012




MENTES PENSANTES...


                                    No meu entendimento, em relação ao  filme que assistimos, que não foi fácil, é um diálogo que se dá entre praticamente três pessoas, uma cientísta, um ex- presidente e um escritor (poeta). Eles discutem como é a visão de cada um em relação as atitudes do ser humano, a cientísta explica sua indignação em relação as pesquisas que fazem, o quanto seria importante se fossem bem aplicadas em benefício da humanidade  e quase sempre são mal usadas, como no caso da bomba atômica que foi usada para matar milhares de pessoas, o ex-presidente tenta mostrar a eles que, quando usam para fazer o bem para uns, já prejudicam outros, como exemplo o desmatamento da mata atlântica para a formação de pasto para o gado, va dizer aos criadores que estão errados! eles financiariam o primeiro candidato que tiver propósta de desmatameto para que possam continuar aumentando seu rebanho e o que defende a ecologia? nem chance tem, sem se preocuparem se estão ou não prejudicando o planeta.
                                      Eles discutem a mente humana citando grande filósofos como Descartes em seus pensamentos de que, quanto mais procuramos entender, menos entendemos a mente humana e Bacon com sua filosofia de que para fazer ciência tudo tem de ser concreto, provado, nada é de qualquer jeito sem uma explicação concreta e outros...sabendo que a mente humana é muito complexa e por mais que tentamos entendê-la, será complicado! e a ciência nunca tem fim, uma nova descoberta científica requer sempre outra para complementá-la e descobrir que sempre tem mais a ser descoberto, a ser explorado.




Keila S.Freitas
Serviço Social diurno - 11/04/2012