domingo, 2 de novembro de 2014

A sociologia compreensiva de Max Weber


Max Weber é considerado o pai da sociologia da compreensão. Vai além do capitalismo, que determinamos o causador de todas as ações. Leva em conta que , mesmo quando se trata de analisar entre coletivo (ex: estado) está em foco a ação de indivíduos.
Os grupos da sociedade ( família, igreja, etc.)pode até ser o ponto de partida mas não o ponto final de uma analise.Para que isso aconteça não podemos analisar perante nossos valores, temos que ter o Juízo de valor, que é o ponto de partida na ação.

Portanto, sobre as realizações da ação humana e seus efeitos sobre as formações sociais. Nessa concepção, o mundo social sempre é expressão de vontades e realizações humanas.
Weber define quatro formas básicas de ação social. Na ação racional referente a fins, o agente envolve no curso de sua conduta o uso do cálculo para determinar os meios mais eficientes para atingir propósitos, trata-se fundamentalmente, da racionalidade formal . As características dessa forma de ação social a tornam explicável e as consequências decorrentes são essencialmente previsíveis. A ação racional referente a valores é determinada em pela crença consciente do agente em ideais e visões de mundo. Independente das consequências, o agente orienta sua conduta com base em ideias dominantes de dever, honra e dedicação a uma causa. Trata-se fundamentalmente de uma racionalidade substantiva ou da ética religiosa ou profissional. Por suas características, essa forma de ação social só pode ser compreendida. A ação social objetiva é determinada em seu curso por estados emocionais, crenças, fé, fundamentalmente refletindo irracionalidades. Nessa forma de conduta o significado da ação não se situa na instrumentalidade dos meios para se alcançar determinados fins. A ação social tradicional é determinada pelos costumes, pela força do hábito, fundamentalmente trata-se de rotinas, quando o agente não controla nem fins nem consequência



Paula Eduarda Martins Coutinho 1º SS/N

Nenhum comentário:

Postar um comentário