domingo, 2 de novembro de 2014

Weber e ação social

O método Weberiano de estudo da sociedade se baseava na ação social do individuo, a sociologia até então analisava apenas o coletivo, não levando em conta o individual, abrindo assim espaços para esteriótipos e conclusões precipitadas.
O exemplo utilizado pelo professor durante a aula demostrou como a sociedade enxergava o operário: deveria ser Marxista, possuir consciência de classe, lutar por direitos, porém se analisarmos individualmente nem todos possuem essa visão e estão apenas realizando o seu trabalho.
A visão de Weber busca isso, compreender individualmente a ação social do individuo e encontrar as causas que engendram determinadas ações.  
A ação social só e realizada em contato com um outro. O método de Weber pode ser confundido com o fato social de Durkheim, mas a diferença existente no individualismo metodológico é a existência do "tipo ideal" um conceito que deve ser o exemplo para estudo de futuras ações sociais.
As ações sociais são influenciadas por costumes, religião, dogmas e juízos de valor  que são presentes no homem desde seu nascimento. A sociologia de Weber é compreensiva por tentar entender as ações do individuo perante uma sociedade cheia de valores, compreender a sociedade a partir da diversidade, da individualidade.


Kelvin V. Silvestre de Lima  Primeiro Ano SS Noturno

Nenhum comentário:

Postar um comentário