terça-feira, 4 de novembro de 2014

A compreensão sociológica Weberiana




      
      Weber propõe que a ciencia passe a compreender o real e não opinar sobre ele, colocando seu foco de analise na ação social e no individuo, os "justiceiros" são um fenômeno tipicamente urbano que ganhou grandes proporções atualmente, culminado em diversos embates acerca do que se entende por justiça. Matar se torna ato de heroísmo, quando a vítima é considerada marginal ou indesejável. 
    Segundo a perspectiva Weberiana a sociedade exerce uma força no individuo, porem a decisão final cabe somente à ele e para analisar as relações socias Weber divide a ação social em quatro; a ação com relação a um objetivo, emocional, tradicional e de valor. É importante evidenciar que Weber utiliza o chamado "individualismo metodológico" como um recurso metodológico a fim obter uma compreensão de cada individuo sem excluir o contexto geral, é uma maneira mais completa, pois, todos somos unos e multiplos.
   Ao nos deparamos com algumas situações de extrema complexidade em que um determinado grupo se auto intitula com "justiceiros" é possível compreender que tal fato está relacionado ao que Max Weber denominou de Ação Social em relação ao emocional, ou seja, guiados por sentimentos de raiva, insatisfação. 
    Com uma analise mais complexa chegamos a conclusão que essa situação deve ser compreendida em sua totalidade e também em sua particularidade, a ação dos justiceiros é uma característica mais vistas nas áreas urbanas, em bairros onde a proteção policial é ineficiente. 
    Em alguns deles, a população tem que pagar “pedágio”, para os traficantes ou criminosos, para que possam ter acesso às suas casas. Além disso, há ainda o toque de recolher e a obediência servil aos criminosos, essa é uma analise do todo, mas não podemos deixar de salientar que cada individuo tem suas particularidades e que o todo está inserido na parte e vice versa, mas ainda e necessário realizar uma analise de acordo com cada realidade social e com cada individuo.


Bianca Brabosa Do Vale 1º ano SS diurno.
   

Max Weber e o Individualismo Metodológico

Weber defende que se analise a ação social do indivíduo e que não se misture a sociologia com a política, pois essa acabaria trazendo consigo juízos de valores. A sociologia, para Weber, deve ser compreendida através da ação social. Enfoca-se o estudo do indivíduo e toda a sua particularidade e não na análise de forma geral da sociedade. A ação social do indivíduo é que tem efeito sobre a sociedade, por isso deve se analisar o individuo em sua particularidade e não a sociedade como um todo. Deve ser feita sem interferência de valores políticos, como é o materialismo dialético de Marx, pois isso seria uma forma de estudo sociológico alienado à realidade. Essa forma de estudo sociológico individualista, proposto por Weber, busca creditar a sociologia como uma ciência empírica, mais racional, como as ciências naturais. Para Weber, essa analise individualista é a melhor maneira para se chegar a conclusão realista da sociedade.

Leonardo Romanelli da Silva - 1° SS Diurno